É feio, bora pintar II

Continuando a série iniciada semana passada (não declarada ‘série’, até então), merecidamente estreada por Richard Vermaak, esta semana voltamos com um GRANDE artista urbano: O americano (quem diria?) Chip Thomas.

Na verdade, só o colocamos na categoria pelo simples fato de nao existir ainda a categoria Artísta Rural.

Bom, o cara mora em uma reserva indígena (Navajo), localizada no nordeste do Arizona. Chip, na verdade, é médico, mas sua paixão pela arte e fotografia é bem maior que pelo seu real ofício. Autodidata, realiza intervenções incríveis, espalhando pelas redondezas imagens que, em tamanho ampliado, retratam a cultura local. Di-ver-ti-do!!

Este slideshow necessita de JavaScript.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: